Pegadas de Jesus

Pegadas de Jesus

quarta-feira, 11 de março de 2015

JOGO DA VIDA


Há momentos em que tenho a nítida sensação de que estou pronta: que pretensão! Essa sensação é tão rápida quanto a luz, e numa fração de segundos se dissipa. Percebo o quanto falta para me sentir, de fato, uma pessoa serena, realizada. De repente, tudo parece embaralhado, como num quebra cabeças, onde as peças estão misturadas, fora do lugar. Vou tentando encaixar as peças, uma após outra, e aos poucos vai surgindo uma imagem colorida, cheia de luz. Bem no meio dessa imagem percebo umas lacunas, de peças que ainda não consegui encaixar, tornando meu trabalho inacabado e feio. Entendo que essas lacunas são meus projetos pessoais de crescimento que estão em andamento ou que ainda não despertei para realizá-los. Noto que para formar a imagem, que me agrada, precisei de paciência, dedicação e esforço. Sorrio a cada vez que uma peça se encaixa, trazendo-me a alegria do dever cumprido. Por fim, sou fortemente levada a crer que se não fossem as peças mais difíceis a imagem não teria ficado tão bonita. Também observo que se não fossem as faltosas, não haveria ânimo, vontade de prosseguir, motivação. Proponho-me, portanto, a continuar jogando esse jogo, da vida, através das tentativas e erros, encaixando peças, me consolando com a imagem construída, atenta aos seus detalhes, buscando aperfeiçoar, aqui e ali, e mais especialmente, parando para contemplar, como um exímio jogador de xadrez, as estratégias para a jogada perfeita. Nunca vou estar pronta, mas, vou tentar até o fim.


Por Socorro Melo

Um comentário:

✿ chica disse...

Nunca estamos prontas, concluídas...Sempre há mais a ver, aprender, viver! bjs, chica