Pegadas de Jesus

Pegadas de Jesus

sexta-feira, 26 de outubro de 2012

DIREITO E CIDADANIA

Uma manhã, quando nosso novo professor de "Introdução ao

Direito" entrou na sala, a primeira coisa que fez foi perguntar o

nome a um aluno que estava sentado na primeira fila:

- Como te chamas?

- Chamo-me Juan, senhor.

- Saia de minha aula e não quero que voltes nunca mais! –

gritou o desagradável professor.

Juan estava desconcertado. Quando voltou a si, levantou-se

rapidamente, recolheu suas coisas e saiu da sala.

Todos estávamos assustados e indignados porém ninguem falou

nada.

- Agora sim! - e perguntou o professor - para que servem as leis?...

Seguíamos assustados porém pouco a pouco começamos a

responder à sua pergunta:

- Para que haja uma ordem em nossa sociedade.

- Não! - respondia o professor.

- Para cumpri-las.

- Não!

- Para que as pessoas erradas paguem por seus atos.

- Não!!

- Será que ninguém sabe responder a esta pergunta?!

- Para que haja justiça - falou tímidamente uma garota.

- Até que enfim! É isso... para que haja justiça.

E agora, para que serve a justiça?

Todos começávamos a ficar incomodados pela atitude tão grosseira.

Porém, seguíamos respondendo:

- Para salvaguardar os direitos humanos...

- Bem, que mais? - perguntava o professor.

- Para diferençar o certo do errado... Para premiar a quem faz o bem...

- Ok, não está mal porém... respondam a esta pergunta: agi

corretamente ao expulsar Juan da sala de aula?...

Todos ficamos calados, ninguem respondia.

- Quero uma resposta decidida e unânime!

- Não!! - respondemos todos a uma só voz.

- Poderia dizer-se que cometi uma injustiça

- Sim!!!

- E por que ninguem fez nada a respeito? Para que queremos leis e

regras se não dispomos da vontade necessária para pratica-las?

- Cada um de vocês tem a obrigação de reclamar quando presenciar

uma injustiça.

Todos. Não voltem a ficar calados, nunca mais!

- Vá buscar o Juan - disse, olhando-me fixamente

Naquele dia recebi a lição mais prática no meu curso de Direito.

Quando não defendemos nossos direitos perdemos a dignidade e a

dignidade não se negocia.  

Autor desconhecido

13 comentários:

Silenciosamente ouvindo... disse...

Uma grande aula. Um texto que muita
gente deveria ler.
Gostei muito de ler este texto.
Um beijinho
Irene Alves

✿ chica disse...

E como precisamos mais professores assim,que dão verdadeiras alas no curso de Direito e em tantos outros. LINDO! beijos,chica

Beth/Lilás disse...

Puxa vida, eu teria levantado em seguida e sairia também da sala!
Eu tenho um senso de justiça muito grande sabe, não suporto ver uma pessoa sendo injustiçada sem que eu não me meta no assunto.
Tanto é verdade que por estes dois dias, tenho militado por redes sociais pelo povo Guarani Kaiowá e está lá no meu novo post também um pedido de ajuda.
Adorei seu post porque ele está junto comigo hoje.
beijocas cariocas

(Vou fazer uma chamada para ele agora lá no meu blog, tem muito a ver)

Luma Rosa disse...

Uma mensagem própria de professor Mauricio Werner, pessoa de valores morais e consciência social. Nos mostra que o Direito é ciência aplicável a todos os setores da vida e profissionais, inclusive, porque a principal função é tornas viva a chama da vontade de justiça. Distribuir a paz social e proteger os cidadãos de qualquer sujeito antipático a sua dignidade.
Parabéns pela publicação!!
Bom fim de semana! Beijus,

pensandoemfamilia disse...

Oi
Que texto significativo, aplausos, pois esse professor mostoru ao vivo e a cores como agimos omissos diante das injustiças.

Bom final de semana.

She disse...

Uau! Que maravilha de aula e deixou todo mundo apavorado, exatamente como ficamos ao ver injustiças... haha sensacional a tática desse professor.
Grande lição!
Beijo, beijo minha querida!
She

Néia Lambert disse...

Fantástico! Gostei da história Socorro.

Beijos

Orvalho do Céu disse...

Olá, querida Socorro
Gostei muito de encontrar alguém que ainda insista na tecla da dignidade e posta sobre...
Bjs de paz e bem

Mônica - Sacerdotisa da Deusa disse...

Flor!
Que demais isso hein??? Arrasou, nossa...que lição, ameeeeei rs.
Beijinhos e uma linda semana pra vc.

Flores e Luz.

PS: coloquei um post novo no meu cantinho, não sei se vc gosta mas, fica o convite para dar uma espiada rs. Bjimmmm

Sissym disse...

Estimada Socorro,

Esta mensagem é uma aula de conscientização. Eu concordo: a dignidade não se negocia.

Eu não sei se já li aqui mesmo esta mensagem e não deixei recado, ou se por acaso a li novamente pelo mundo virtual. Ela é excelente!

Beijos

Toninhobira disse...

Que beleza de texto Socorro.Irretocavel.
Calar-se diante uma injustiça é pior sentimento que vamos carregar por toda vida.
Linda semana de paz e luz.
Meu terno abraço amiga.

Claudete disse...

Não apenas diante da injustiça dos homens para com os homens ,mas também da injustiça e omissão que cometemos para com Deus . Outro dia alguém comentou no meu Blog que eu era uma pessoa corajosa por falar de Deus nos dias de hoje, parabenizou-me(?!), este texto diz tudo! Abraço amiga Socorro e grata pelo carinho eu sou.

Socorro Melo disse...

Olá, amigos e amigas!

Prazer em tê-los por aqui... Voltem sempre.

Muito grata e um grande abraço
Socorro Melo