Pegadas de Jesus

Pegadas de Jesus

quarta-feira, 7 de julho de 2010

HOMENAGEM A GIULIANO




A morte é ilógica
Imprevisível
Irracional
Incapaz de seguir a ordem natural.

Qual a razão de se morrer tão cedo?
Quando se tem 12 anos
Quando há tanto pra fazer
E tanto pra acontecer...

Por que com Giuliano?
Tão esperto
Tão alegre
Tão doce
Brincalhão
Bom menino.

Não houve tempo pra crescer
Pra estudar
Pra namorar
Viver seu primeiro amor
Viajar
Conhecer o mundo
Como sonhou.

Por que precisou morrer?
Por que teve o caminho interrompido?
E enfrentou tão feroz inimigo?
Era escoteiro
Valente
Destemido
Acreditou que venceria o inimigo
E lutou até o fim.

Mas, não.
O inimigo tirou-lhe o sorriso
Lindo, inocente,
E levou-o consigo.
Não consigo compreender
Por que teve que morrer?
Ficaram apenas saudades
Saudades eternas de você
Menino Giuliano.
(Socorro Melo)


De tudo, ficaram três coisas: A certeza de que estamos sempre começando... A certeza de que é preciso continuar... A certeza de que seremos interrompidos antes de terminar... Portanto, devemos: Fazer da interrupção um caminho novo. Da queda um passo de dança. Do medo uma escada. Do sonho, uma ponte. Da procura, um encontro.

(Fernando Sabino).





Dedico este post ao menino Giuliano, meu sobrinho do coração, que partiu aos 12 anos de idade (em 07/07/1999), e a sua mãe, minha grande amiga e guerreira, que passou pelo terrível sofrimento de perder seu filho, mas, manteve-se firme na fé e tornou-se ainda mais nobre. Saudades eternas e esperança no porvir!


6 comentários:

Luciana P. disse...

Nem imagino qual seja a dor de uma mãe diante de um fato assim. Mas, há que haver em algum lugar uma explicação para isso, explicação essa que está acima da nossa compreensão. Eu juro que não entendo, Socorro! Não entendo uma coisa dessas.

Beijos!

^.^ Ana Clara ^.^ disse...

:o(((((((
Puxa Socorro, que pena um menino lindo ter partido assim, tão cedo.
Havia lido lá em casa que perdera um amigo, mas não imaginava ser assim, tão novinho.
São os mistérios do qual não fazemos ideia, não temos explicação, fazem parte das situações que nos fogem do controle das mãos.
Muita força para a familia dele.
Vamos pensar que agora seu sofrimento acabou, e que logo haverá o reencontro, onde almas estarão juntas em plena alegria, sem separação, sem dor.
Beijos, Socorro, fica bem, viu?!

xunandinha disse...

é incalculavel o sofrimento que deve causar a perda de um filho, só de pensar o coração fica atormentado.
Para todos os parentes e em especioal à mãe um grande abraço cheio de calor e confortoe que esse anjinho descanse em paz.
Beijinhos

Socorro Melo disse...

Muito grata as amigas Luciana, Ana Clara e Xunandinha, pelas palavras carinhosas, e pelas visitas :)
Um beijo procês, hehehe

Ana Clara, esclareço que o amigo que perdi no domingo, dia 04, era um adulto sim. A homenagem ao Giuliano é um tributo pelo aniversário de sua partida (a onze anos atrás).Foi tão forte essa perda pra mim, que nunca vou consegui esquecer.

Pati Araújo disse...

Oi Socorro,

Linda homenagem ao menino Giuliano...
Pelo semblante dele com certeza uma homenagem merecida. Tão lindo, e um anjo de Deus, defendendo sua mamãe de todo o mal...Um forte abraço para ela.
Essa passagem de Fernando Sabino é uma de minhas prediletas, parabéns pela escolha!

Beijos :)

sonho disse...

Pela lei da vida...é suposto ver mos os nossos pais partirem...e nunca deveria ser ao contrario...mas isso não está em nossas maos...temos que acreditar em Deus...e pensar que esse menino sera um anjo que protege todos os que ama...
Bom fim de semana
Beijo d'anjo