Pegadas de Jesus

Pegadas de Jesus

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

MINHA IDÉIA É MEU PINCEL - MONET


Blogagem coletiva “Minha idéia é meu pincel” proposta pela Glorinha, do http://cafecomglorinha.blogspot.com/.

O desafio acontece todas as quintas-feiras, durante 6 semanas, no período de 28/10 a 02/12.
Os participantes deverão dar sua impressão pessoal, com liberdade e criatividade, sobre pinturas famosas.


De paleta e pincel na mão... eis minha impressão sobre a tela de Monet, Irises in Monet’s Garden.


JARDIM DA VIDA

Um silêncio profundo e benfazejo

Inunda-me de uma paz inebriante

A vida se retrata como em tela

E me seduz de modo fascinante



As cores em nuances delicadas

São os momentos de perfeita harmonia

E a exuberância das flores perfumadas

É o encanto que a vida propicia



Luz e sobras num coabitar perfeito

Num misto de fulgor e opacidade

E assim se delineiam os caminhos

Que galgamos à tal maturidade



Com tons verdes mesclados de dourado

O outono da vida se inicia

Caminhos margeados de folhagens

São os matizes da sabedoria



Deleite pros meus olhos doce encanto

Traços de pura suavidade

Leveza que traduz naturalmente

Da vida a real simplicidade

Socorro Melo


***


Visitarei a todos. Talvez não tenha condições de visitá-los (todos) hoje, mas, no decorrer da semana,  farei isso. Obrigada por estarem aqui. Um grande abraço.





28 comentários:

Misturação - Ana Karla disse...

Bom dia Socorro!

Um poema lindo, lindo.
Bravo!

Xeros

Thayla disse...

Uau!!! Socorro esse poema tá lindo!! Parabéns! Queria saber me expressar assim.
Bravo! Bravo!

Beth/Lilás disse...

Perfeito, Socorro!
É isso mesmo que a pintura de Monet transmite e invoca - sensação de paz, bem estar, relaxamento.
adorei!
bjs cariocas

pensandoemfamilia disse...

Bela sua inspiração em forma de poema. Penso que convergimos na idéi, apesra do formarto difrenciado.
bjs

Isadora disse...

Socorro, lindo poema. Delicado e suave assim como a impressão que a tela nos passa.
A sensação de paz, e o silêncio bom foram sensações dispertadas em mim também.
Um beijo

Chica disse...

Que maravilha,Socorro.

Belíssima participação!

beijos,tudo de bom,chica

Lúcia Soares disse...

Socorro, uma inspiração e tanto a tela de Monet.
Você traduziu em maturidade e sabedoria o poder de apreciar uma arte. Lindo!
Beijo!

António Rosa disse...

Boa tarde, Socorro.

Adorei o seu poema e fixei este verso:

«A vida se retrata como em tela»

Como a compreendo.

Abraço

António

Violeta Nascimento disse...

Socorro boa tarde
amei o poema...a inspiração diferenciada que esta obra de arte trouxe a cada um de nós é maravilhosa
obrigada por partilhar comogo deste seu poema.
beijo
violeta

manuel marques disse...

O seu poema está fantástico.Parabéns .

Beijo.

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

Ficou lindo, Socorro!
Um poema perfeito para um quadro tão bonito.
Achei tão bonita essa parte:

Com tons verdes mesclados de dourado
O outono da vida se inicia
Caminhos margeados de folhagens
São os matizes da sabedoria

Muito poético!

bom dia!

Glorinha L de Lion disse...

Lindo Socorro! Adorei como traduziu em poema seus sentimentos e emoções. Obrigada pela bela participação. beijos.

Manuela Freitas disse...

Belíssimo o teu poema Socorro, gostei muito, em poesia disseste tudo e retenho o final:

«Leveza que traduz naturalmente
Da vida a real simplicidade»

Parabéns e beijinhos,
Manú

Lu Souza Brito disse...

Socorro,

Que delicioso poema. Leve e tão real. Parabéns

Lianara **Lia** disse...

Belo poema, Socorro!


"Leveza que traduz naturalmente
Da vida a real simplicidade"

Lindo!!!!


Beijos
Lia
Blog Reticências...

Astrid Annabelle disse...

Adorei seu poema Socorro!
Gostei especialmente dessa parte:

"Deleite pros meus olhos doce encanto
Traços de pura suavidade
Leveza que traduz naturalmente
Da vida a real simplicidade"

Maravilha...muito boa participação Parabéns amiga!
Beijo grande
Astrid Annabelle

disse...

Essa Blogagem nos fez respirar arte durante todo o dia, nos proporcionando muitas emoções, despertando sensibilidade, nos deixando nessa leveza que você retratou. Lindo de ver. Bjos

Luma Rosa disse...

O nosso ciclo, segue o ciclo das plantas, somos natureza!! A diferença é que a natureza evolui e se manifesta silenciosamente, enquanto nós fazemos estardalhaço!

"Com tons verdes mesclados de dourado
O outono da vida se inicia
Caminhos margeados de folhagens
São os matizes da sabedoria"

Boa blogagem!!

Macá disse...

Socorro
Que lindo poema! quanta sensibilidade.
"As cores em nuances delicadas
São os momentos de perfeita harmonia
E a exuberância das flores perfumadas
É o encanto que a vida propicia".
Vou copiar pra mim, pode?
beijos

Marli Borges disse...

Lindo, lindo!!! Socorro, eu sou louca por rimas, mas gosto das rimas perfeitas assim, com as sílabas corretas, assim. A sensibilidade que permeia esse poema é contundente. Parabéns. Bjsssssss

Deia disse...

Socorro, que paralelo bonito com a passagem das estações de nossas vidas! Tão delicado... Um beijo, Deia

orvalho do ceu disse...

Olá, estimada Socorro
A segunda estrofe me encantou... poesia combina de corpo e alma com a Arte... que é expressão viva da poesia...
Seja feliz e abençoada!!!
Abraços fraternos e votos de serenidade.

Malu Machado disse...

Olá Socorro,

Bela poesia. Suave e de uma cumplicidade apaixonante.

Bjs,

Elaine disse...

Olá Socorro, lindo poema, isso sim é poesia, parabéns!
Quero tb agradecer sua visita e seu comentário, fico muito feliz.
Beijos e um excelente final de semana!

xunandinha disse...

Antes de mais quero agradecer suas palavrase sua visita, gostei muito do seu poema, maneira linda de transmitir o que lhe vai na alma, beijos volte sempre

Suziley disse...

Bom dia, Socorro. Que lindo blog o seu! E a sua impressão, os seus sentimentos transformados em versos, fez mais lindo esse jardim de encantos. Parabéns!! Desejo a você um bom dia, um ótimo final de semana, beijos no seu coração :)

Socorro Melo disse...

Olá, gente!

Estou muito feliz por receber a visita de cada um. É um prazer receber vocês.

Um grande abraço
Paz a todos! :)

Socorro Melo

Bombom disse...

Magnífica, a sua participação no Desafio da Glorinha! Lindo poema, rico e muito bem construído, deixando uma bela mensagem. Parabéns, mais uma vez! Bjs. Bombom